Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: 28 - Estórias no Sofá – Sr.Vento
recomeça o futuro sem esquecer o passado

21 de novembro de 2007

28 - Estórias no Sofá – Sr.Vento

O Sol e a Brisa tinham sido muito amigos quando esta era pequena. A Brisa gostava do quente do Sol quando este a acariciava e da cor amarelada da sua pele quando este se dispunha acordá-la anunciando o começo dum novo dia. Mas também gostava de brincar às escondidas com o Sol tentando descobri-lo por entre as nuvens através dos pequenos raios que dele se escapavam na impossibilidade de estarem quietos.
Durante anos foram amigos inseparáveis e a Brisa tornava-se mais forte quando as nuvens se zangavam umas com as outras, se escureciam e discutiam com grande estrondo e muitas lágrimas o amor pelo Sol. Ela tentando por um fim à briga se empapava dessas lágrimas mas depois se estendia ao Sol recebendo as suas secas carícias.
À noite, quando o Sol se retirava para o merecido descanso, deixava a sua amiga Lua a zelar pelos sonhos, pelo que a Brisa nunca teve medo da escuridão e se sentia segura a receber aquela ténue luz cinzenta.
Um dia, assim num sem dar conta, a Brisa se tornou adulta, começou a fazer novos amigos, conheceu alguém muito especial e mudou de casa. Sempre muito ocupada foi-se desligando dos seus tempos de menina.
Hoje, quer faça Sol, nuvens ou com a luz do luar, ela se mostra mudada e sopra forte, travestindo-se de Sr. Vento.



Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007