Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: último
recomeça o futuro sem esquecer o passado

31 de dezembro de 2007

último



Aqui sentado verifico que a maioria das pessoas deste mundo espera que se cumpram os seus sonhos. Os outros, com os seus sonhos já cumpridos, continuam à espera.






Me enamorei sem me dar conta, sem aviso e sem razão.

Não, não tiveste culpa. Nem eu.

Nem sei porque palavras foi, nem quando.

Quantos amanheceres te faltaram, quantas luas de silêncio e noites de sono te roubei?

Enamorei-me e foi ponto final.

Quando voltarei a não sentior dor?

Só quando te arrancarem do meu corpo.


Sanzalando

3 comentários:


WebJCP | Abril 2007