Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: tempo
recomeça o futuro sem esquecer o passado

18 de dezembro de 2007

tempo

Aqui sentado no muro das recordações e de Tempo, podia falar do tempo, das analogias e sentimentos, repetir frases célebres, dançar ao vento, construir castelos de nada. Aqui sentado podia dizer palavras abertas, amanheceres românticos inspirados no teu perfume, na tua alegria.
Aqui sentado vejo o pôr-do-sol como uma queimada distante, um poema ao teu nome.
Aqui sentado dou tempo ao Tempo.

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007