Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Adeus anunciado (1 de 4)
recomeça o futuro sem esquecer o passado

28 de janeiro de 2008

Adeus anunciado (1 de 4)

Aqui estou eu vestido de sorrisos, maquilhado de ilusões e penteado de sonhos. Aqui estou eu como tantas vezes aqui estive, transpirado de energia, afogado em suspiros e calçado em nostalgias.

Já fiz canções sem escrever versos, já esculpi imagens sem usar barro, já sorri com os olhos sem ter acordado.

Caminhei manhãs por palavras, chorei mares de saudade, gritei silêncios calados.
Aqui estou eu, como tantas outras vezes aqui estive.
Há dias em que nos custa acordar e caminhar em carreiros de sonho e ilusão. Há dias em que custa sonhar e outros que apetece oferecer os sonhos. Há dias em que a noite é infinita. Há dias em que apetece morrer por uns minutos. Há dias em que apetece gastá-los no riso dos amigos. Há dias que custa olhar o espelho e outros que apetece dançar à frente dele.
Há dias de melancolia, de nostalgia e de esperança.



Sanzalando

1 comentários:


WebJCP | Abril 2007