Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Introdução a outros caminhos
recomeça o futuro sem esquecer o passado

22 de março de 2008

Introdução a outros caminhos

Um lábio que não toca no outro vai secando assim como um olhar que não se troca com outro se vai fechando.
Um corpo que não sente outro vai-se apagando assim como um coração que não se entrega com toda a alma vai morrendo num finar de silêncios.
Sem hora e sem dia, sem saber a cor das minhas palavras, sem ouvir os meus silêncios e sem perder os meus sentidos, aqui estou num vaguear de ideias em que decoro os meus passos.
Podia dizer-te que se ela se foi, eu fui com ela! porque sem ela as minhas palavras são um engano, são palavras vazias de conteúdo, lágrimas choradas em regras gramaticais. Porque sem a voz dos seus sons eu sou um organigrama de sentidos latos. Porque sem a sua imagem os meus olhos mais não vêem que formas confusas e indefinidas. Porque sem o seu aroma até me aborrece respirar e sair desta obscuridade.
Sem ela e sem a paixão não sei se sei dizer alguma palavra.
Por tudo isto te digo, sem hora e sem dia marcados, vagabundarei por palavras que traduzam-te o meu silêncio.




Sanzalando

JCC (1)

1 comentários:


WebJCP | Abril 2007