Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: sorriso de inverno
recomeça o futuro sem esquecer o passado

27 de dezembro de 2008

sorriso de inverno


Transporto um sorriso em forma de vida. Às vezes inocente, outras maldoso. Mas a verdade é que é um sorriso e, como tal, ilumino-me de esperança, clareio a alma e sigo e, frente. Contrasto com o sol triste de Inverno, taciturno dia que se o tivesse que transportar às costas eu não aguentava o peso.
Me lembro agora que aprendi numa escola as estações do ano e lá estava o Inverno como mais triste de todos. Eu sei que tu não sabes disto porque só tens uma parte desta coisas, pelo que eu digo que tu tens apeadeiros do ano. Olha, o Inverno é assim mais ou menos as 5 da manhã de antes de tocar o despertador.

Não tás a ver?

Não faz mal, gosto mesmo é da rebeldia do meu pensamento que caminha para a loucura por causa da fraqueza desse sol fraquíssimo que passou sem distinção pelo solstício. Assim tenho mais tempo para estar sentado a pensar no que te gosto.


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007