Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Ele calmo e sereno
recomeça o futuro sem esquecer o passado

2 de março de 2009

Ele calmo e sereno

Aqui estou eu sentado frente ao mar. Ele azul e eu pálido do sol de Inverno. Ele calmo e sereno que nem um lago e eu fervilhando ideias.
Ele e eu num confronto visual.
Apostei pelas emoções. Acreditei nelas. Não me arrependo. Ele sereno e calmo como um lago.
Na verdade ainda não descobri o que poderia ter sido se não o que sou. E ele calmo e sereno que nem um lago.
Apostei forte no querer mesmo quando me apetecia desaparecer. Ele ali calmo no seu azul sereno.
Virei páginas e rasguei passados. Mas ele azul e serenamente ali se mantém calmo.
Eu e o mar trocamos olhares como quem troca pequenos recados de amor.
Ele calmo e carregado de azul sereno.

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007