Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Simetria do desencanto
recomeça o futuro sem esquecer o passado

28 de julho de 2009

Simetria do desencanto

Calcorreio caminhos num desatinado destino como quem muda de estado de ânimo num ápice. Breves segundos em que desperto no doce dia duma vida ou no pesadelo dum sonho que não sonhei mas vivo. A rapidez em que um olhar sorridente se transforma num descolorido rosto sem expressão.

É assim um dia. Dúvidas. Confusões. Alegrias. Tristezas. Vai ser sempre assim um dia. Hoje ou outro qualquer. Se eu soubesse como ia ser o meu dia… Hoje acordei de forma inesperada alegre. Ao longo do dia fui mudando. Neste momento em que ouço o mar e que te segredo os meus pensamentos, nem eu sei como estou mas sinto-me os olhos tristes, reparo na falta de expressão do rosto e não encontro a boca em forma de sorriso.

É assim um dia. Este ou outro qualquer. Simetria do desencanto.


Sanzalando

2 comentários:


WebJCP | Abril 2007