Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Me perguntam... eu respondo
recomeça o futuro sem esquecer o passado

22 de abril de 2010

Me perguntam... eu respondo

Foi assim numa surdina que quase nem deu para ouvir. Mas eu acho consegui captar a pergunta e como não sou de deixar joeira (papagaio de papel) no ar ao deus deixa andar que eu vou ali e já venho mas não volto, eu respondo.
Mas vou responder mais o quê? Ah, desculpa, me distraí a ver uns sonhos sonhados, a rever as imagens imaginadas e a ler as palavras que nunca recebi. Vou responder sim e sem mais delongas depois de eu refazer a pergunta.
Que é feito do teu escrever? Como se pode regar essa inspiração? Acho foi mais ou menos assim. Mais coisa menos coisa.
Estou de férias de sonhar, estou a descansar das imagens vividas na imaginação. Tu sabes, como ela sabe, que eu vou ali mas volto que nem io-io dos tempos de kadengue. Tu sabes que nem ela também sabe que o sonho vai voltar nas ondas do zulmarinho quando o sol ficar mais azul deste lado de cima da linha recta que é curva.
É, estou mesmo só na sombra a ver passar o tempo no quadriculado emaranhado da vida. Um dia destes, pegado o fio da meada, regresso à terra e te falo as coisas que eu queria falar com ela.
Deixa só apanhar um pouco mais de ar...
Beijos e abraços que eu já volto no dia que eu ainda nem sei.

Sanzalando

6 comentários:


WebJCP | Abril 2007