Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: te admiras
recomeça o futuro sem esquecer o passado

17 de novembro de 2010

te admiras

Te admiras se eu te disser que estou a ver o mar? Sim, eu estou sempre a ver o mar, já que ele é a fronteira que nos separa ao mesmo tempo que é a ponte que nos une nesta vida que nos espera. Foram-se os dias de calor do lado de cá, resta-me a consolação que ele está aí, do lado de lá.
Talvez um dia, de tanto olhar o mar eu consiga correr sobre ele e marear até te abraçar. Aí não terei frio, nem me chorarei lágrimas de tanto mar. Talvez transpire de cansado ou de ansiedade. Talvez um dia eu já não precise de ver o mar e ter-te numa constante incógnita de ser presente.
Te admiras de estar sempre a ver o mar. Afinal de contas ele é o meu lar, lugar onde moram as minhas kiandas que nos sons de marulhar me embalam nos sonhos de acordar.
Aqui perto do mar estou como se estivesse em todos os lugares do mundo. O vento me trás notícias, a chuva me limpa o olhar, o marulhar me embala e o ondular me encanta.
Aqui perto do mar estou contigo.

foto da internet
Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007