Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: eu e o meu rádio de pilhas
recomeça o futuro sem esquecer o passado

25 de março de 2011

eu e o meu rádio de pilhas

Ligo o meu rádio de pilhas numa estação à toa. Parei nesta porque está a dar uma canção que lhe gosto. Não sei o nome de quem lhe canta mas sei que se chama Because I Love You, porque ele diz isso muitas vezes e eu me delicio a ouvir. O meu rádio de pilhas não tem ecran para ler o nome das músicas, nem o ano nem nada. Tem mesmo só um botão que se chama volume e outro que diz tunning. Mas dá para me acompanhar nos meus silêncios. E eu ouço Because I Love You e voei de pensamento em pensamento e imaginei um confabulação cósmica que me criou até viver este momento em que ouço o meu rádio de pilhas. Olho para trás e vejo o caminho que percorri, algum do muito lá para trás está tão nublado que quase esqueci mesmo como é que foi esse caminho. Olho para a frente e não tem caminho. Quer dizer que eu vou ter de caminhar e inventar o caminho para andar? Só poder ser confabulação misteriosa dum texto escrito e não lido que me deram para viver.
O meu rádio de pilhas mudou de música e agora toca uma que não tem letra e eu não faço a mínima que é que está a tocar e continuo a deixar-me levar nas ondas do pensamento confabulado até ao sentido de responsabilidade que é eu ter de escolher a minha vida. Acho mesmo vou só ficar de olhos abertos e deixar o caminho se fazer à minha frente enquanto eu ando.



Sanzalando

1 comentários:


WebJCP | Abril 2007