Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: azul flor do tempo
recomeça o futuro sem esquecer o passado

18 de maio de 2011

azul flor do tempo

O mar está azul revoltado. Cheira mais a maresia e dá mesmo a sensação de estar de olhar frio. Eu fico-me por aqui a lhe olhar como que perdido num tempo que perdi faz tempo em ter esperança de ter melhores dias, quando não tinha tempo a perder e achava desesperadamente não ter tempo por ser tarde demais.
Aqui ficado acredito no que me é mais fácil acreditar. Fico a ver o mar cor de flor e não perco tempo a me olhar, a não ter abraços nas manhãs de cacimbo, a não ver os filmes de fim de tarde numa qualquer esplanada fechada por causa do tempo.
Fico-me por aqui com o coração a bater em batida lenta sem medo de madrugadas, trovoadas e outras cacimbadas manhãs de calor abafado. O mar azul revoltado está frio porque perdeu o tempo de ser bom e passou a ter um tempo discreto, da época.


Sanzalando

1 comentários:


WebJCP | Abril 2007