Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: porque me chora alma?
recomeça o futuro sem esquecer o passado

11 de junho de 2011

porque me chora alma?

Sentei-me debaixo dum pôr de sol e desatei a tentar responder a uma pergunta que me fizeram:
- porque te chora tanto a alma?

em vão conseguia responder. Ou me faltaram as palavras ou uma resposta filosófica carregada de erudição, daquelas que mostra citação do citador que citou um qualquer outro. Mas para mim a resposta imediata também não saia. Um estado de espírito irrequieto? Será? Uma falha no sistema integrado das abcissas que carregam às costas as hipotenusas que levam com os catetos e ainda por cima integram num qualquer pi quadrado duma outra aritmética da vida.
Afinal de contas porque tanto me chora a alma? Nostalgia? Saudade? Estado de espírito sistemático do esquema esquelético?
Nem debaixo dum pôr de sol com sabor a terra molhada eu consigo hoje responder. Me falta a dialéctica esquemática dum orador que não chorasse a dor da saudade.
Olhei para as minhas mãos e suadas as vi. Ansiedade? Apenas não sabia uma resposta pelo que não era caso para tanto. 
Deixei cair o sol atrás do se pôr e continuei a pensar. Desisti já era noite, enxuguei as lágrimas da alma e para longe atirei o lenço. Acho ele ainda voa ao sabor do vento que sopra desde norte.

Sanzalando

2 comentários:


WebJCP | Abril 2007