Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Dia de Natal ou outra coisa qualquer
recomeça o futuro sem esquecer o passado

25 de dezembro de 2011

Dia de Natal ou outra coisa qualquer

Não vi as renas nem ouvi o Pai Natal no seu gargalhar que lhe inventaram. Não vi neve nem coloridas lâmpadas cintilarem nas árvores, não vi artifícios nem outras invenções e contraversões que me faltam na memória. Mas também não vi nem senti o calor que tu me podias ter dado, não tivesses de costas voltadas para mim.
Já não sei quantas vezes olhei o tecto enquanto tentava dormir sonambuleando-te pela imaginação imagens de memórias, vividas, imaginadas ou apenasmente queridas de desejo. Mesmo assim não ouvi o Pai Natal nem o cavalgar das renas, nem os sinos, nem a cauda de cometa.
Afinal de contas foi apenas mais uma Noite de Natal que passou.
Devo de ter-me esquecido de lhe escrever uma carta. Não me lembro se lhe mandei mensagem por telemóvel. Não faço ideia se fiz sinais de fumo. Mas não ouvi o Pai Natal.

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007