Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: talvezmente
recomeça o futuro sem esquecer o passado

14 de junho de 2012

talvezmente

Sentado na primeira fila do 1º balcão do velho cinema, acho fechou faz mais que tempo que lhe esqueci, vou ver um filme da Rita Pavoni, ou do Joselito ou da Marisol. Não sei. Já não me lembro porque o tempo passado pesa no esquecimento.
Mas o cinema eu lhe estou a ver como se ele fosse novo.
Mas antes de começar o cinema, a preto e branco, me pergunto quem sou. Não tem legenda com a resposta. Me deixo embalar em pensamentos para encontrar uma. Talvez eu seja saudade, tristeza ou raiva. Talvez eu não seja nem sentimento e seja apenas uma miragem de mim. Talvez eu seja um caminho sem sentido de traço contínuo em contramão. Talvez. Não sei já quem sou porque não me revejo trancado no mundo do só.
Se calhar eu sou futuro e por isso ainda não dei por mim.
Talvez eu vá me procurar numa qualquer fila, dum 1º balcão dum cinema que já não existe mais.

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007