Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: não sabes e não saberás
recomeça o futuro sem esquecer o passado

6 de fevereiro de 2013

não sabes e não saberás

Que sabes tu das minhas palavras que nunca as leste? 
Às vezes, perdido em interrogações que não respondias, eu afogava-me em pensamentos, profundos, verdadeiros clichês em que eu só me queria comigo mas detestava estar sozinho nem quer fosse um breve momento. Que soubeste tu dessas coisas muito minhas? Nada e nada vais continuar a saber porque não te revelo, mesmo que eu queira!
Que sabes tu dos meus pesadelos? e dos meus medos?
Que sabes tu para além daquilo que eu te disse por dizer?
Não sabes... e não virás nunca a saber!


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007