Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: perdido perdidamente
recomeça o futuro sem esquecer o passado

31 de maio de 2013

perdido perdidamente

Me perdi por aqui, junto ao zulmarinho que mexe pouco, parece que dorme em manhã alta. Acho ele está como que nem como eu, pensar em nunca mais, pensando em esquecer-se, devagarinho como com medo de gastar tempo.
Perdi-me em músicas que imagino escrevi a pensar em ti, em filmes que penso fiz para ti e em romarias que percorri contigo no imaginário dia que te conheci.
Perdi-me no som que eu não consigo ouvir e que imagino saia das tuas vocais cordas, como se fosse em chinês que falas pela primeira vez.
Aqui, zulmarinho manso que parece uma seara de flores que um dia plantei para ti, declaro-me perdido nos beijos que não te dei e nos sonhos que te sonhei.
Aqui perdido, perdidamente te digo, desculpa-me ter-te encontrado no tempo errado. Não volta a acontecer perder-me perdidamente por ti.

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007