Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: sopra vento e cá estou
recomeça o futuro sem esquecer o passado

6 de junho de 2013

sopra vento e cá estou

Sopra vento forte, que não sei se é do norte ou outro lado qualquer, porque de pontos cardeais sei pouco e pouco mais. Mas que me despenteia isso é mais certo que uma conta de subtrair por zero. Mas mesmo assim me aguento aqui firme de olhar em futuro, sabendo que apesar da saudade ainda dá para viver até amanhã, pelo menos. Já tentei a sorte jogando na roleta e mais leve sai que borboleta a voar aqui e a provocar tempestade do outro lado do mundo. Já tentei tudo mas nada saiu certo excepto a certeza de ter tentado.
Exigir amor, não posso!
Exigir respeito, tem horas e alturas.
Usar o charme é pouco tempo de uso. Preciso usar o saber para me aguentar.
Enfim, sopra vento forte e cá me vou aguentado, como diz o outro, com a cabeça entre as orelhas e o pensamento dentro dos limites que me impus. 


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007