Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: aqui, num por aqui
recomeça o futuro sem esquecer o passado

25 de fevereiro de 2014

aqui, num por aqui

Inquieto de tanta quietude e impaciente de tanta paciência aqui me deixo levar lavando o corpo e a alma.
Aqui estou levado pelo coração que deixou a guerra pela razão.
Assim, sem apelo nem agravo, dou comigo a deixar-me levar por ti e a saber mais coisas de mim.
Aqui vou eu para o interrogatório mudo de tempo inteiro, ao que espero anestesiado, saber como estou no físico que no coração sei como nas nuvens me sinto.
Aqui me deixo ir, por nós, amor


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007