Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: madrugadas
recomeça o futuro sem esquecer o passado

13 de fevereiro de 2014

madrugadas

Todas as madrugadas me parecem frias. 
Aqueces-me quando dizes ao ouvido que me amas ou me perguntas na tua doce voz se gosto de ti. 
Na verdade sabes que estou acordado como que a pensar na vida, porque é nessa hora que todas as memórias me estão mais frescas e me assaltam como se vadiassem no escondido durante as outras horas.
Na verdade sabes que o meu pensamento passou por ti. Sentes-lhe.
Sei que sou prisioneiro dos meus pensamentos e nessa hora me recordo de todos os medos, aqueles que me engolem os pedaços de vida e parecem querem eu viva no passado.
E tu, numa formula quase matemática, me aqueces e trazes à realidade de ser feliz.
Obrigado e sabes que gosto muito de ti

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007