Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: sol todos os dias
recomeça o futuro sem esquecer o passado

12 de fevereiro de 2014

sol todos os dias

Como está triste esta praia neste dia de inverno. O sol se esqueceu de acordar, as nuvens não param de lacrimejar pedaços do céu e o vento sopra para incomodar.
Chorar-me não resolve. Calar-me não me aquece. Coloco-me em primeiro lugar porque podem aparecer vontades efémeras e assim conseguir sorrir nesta praia de inverno.
Eu sei que se tiver a tua mão, e assim caminharmos, vamos sorrir, vamos ver brilho solar e a chuva será adereço de somenos.
Eu sei que se continuarmos a falar seguiremos pela praia fora sem darmos porque é inverno.
Eu sei que ficar em casa, esquecendo a praia, o inverno serio o reverso dum inferno possível.
Eu sei tanta coisa que continuo a segurar a tua mão e caminhar com o teu sorriso a tiracolo como se fosse meu, porque os resultados imediatos não são importantes e os remédios demoram tempo a fazer efeito.
Eu sei que o sol contigo brilha todos os dias


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007