Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: lembro-me de tudo
recomeça o futuro sem esquecer o passado

7 de março de 2014

lembro-me de tudo

Caminho na areia da praia e dou comigo a pensar que não sei quando comecei a achar o teu sorriso bonito. Nem me lembro quando comecei a desviar o meu olhar para os teus olhos. Já nem me lembro quando foi que comecei a olhar para o meu telemóvel a ver se ele tinha alguma chamada que eu tenha deixado passar em claro, distraidamente.
Já não sei quando foi que comecei a dar importância ao teu tímido falar-me.
Raios que me molhei nesta onda que quase percorreu rasteiramente toda a praia e me apanhou distraído.
Raios que com isto me perdi e já não me lembro quando foi que comecei a pensar em ti o tempo todo.
Na verdade não me lembro quando me deixar de preocupar de te esconder os meus defeitos, te passei a contar os meus sonhos e fiquei sem medo de te perder.
Já não sei quando a minha mão deixou de ser tão minha e passou a ser também tua.
Já não sei quando passei a fingir tanto esquecimento só para não te dar trunfos


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007