Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Levo as palavras ao mar para as lavar
recomeça o futuro sem esquecer o passado

15 de março de 2014

Levo as palavras ao mar para as lavar

Levo ao mar as palavras para as lavar. Aproveito o sal para limpar os parágrafos que têm palavras que mostram obstáculos, que criam barreiras no meu olhar, que me levam ansiedades aos meus silêncios.
É assim que o mar leva as palavras que desperdiço porque não têm sentido, não reflectem sentimento, não acariciam o gosto, não emitem sons, não cintilam como estrelas, não perfumam como cheiros, não sopram como brisas, não balouçam como redes de repousar nem chegam a horizontes de olhar.
Levo ao mar as palavras que não são beijos e misturo-as com as lágrimas que às vezes apetecem chorar.
Levo as palavras ao mar para as lavar.


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007