Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: és minha!
recomeça o futuro sem esquecer o passado

10 de abril de 2014

és minha!

Caminho em passo curto como que com medo de gastar o tempo num repente. Imagino que talvez devesses encontrar alguém com mais maturidade, mais orgulho, menos experiência e quem sabe menos problemas. Tropeço na ideia e quase caiu, mas foi de susto e medo. Que ideia a minha. 
Mas, insistindo porque hoje me encontro ali vidrado, alguém que te facilitaria a vida, alguém que irias proteger e não sentir protegida, alguém que não sentiria medos bobos pela tua maneira clara e simples de ver as coisas. Assim alguém que não te diz as horas, que não tem programa para os dias. Não como eu que com os dias contados, os minutos sintonizados e os segundos cronometrados no tempo e no espaço.
Brrr, teimo e tremo, alguém que não fica irritado porque não consegue escalar o Evereste, que se entristece se não consegue te arrancar um sorriso ou que não respeita o teu silêncio.
Enfim, alguém que te ame mais que eu.
Impossivel. Eu fiquei a ganhar! Ganhei e não quero perder.


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007