Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: acho eu, sei lá
recomeça o futuro sem esquecer o passado

6 de abril de 2016

acho eu, sei lá

Sigo lentamente pela longa praia como que a não querer acordar. Os nossos passos na areia são facilmente abafados pelo marulhar. Acho enlouquecia se não conseguisse ouvir esse mar a se estender na longa praia da minha imaginação. Acho enlouquecia se eu achasse que caminhava nela sem te ter ao meu lado, pelo menos no pensamento. Acho enlouquecia se a areia passasse a ser silenciosa debaixo dos meus pés.
Acho enlouqueci por não saber as palavras para fotografar este meu abraço no teu sorriso. Acho existem horas que o aperto do coração me enlouquece se eu não souber ver-te para além das linhas do céu azul.
Acho eu, que perdi alguma coisa através desse vento que teima em despentear-me os pensamentos.
Sigo lentamente pela praia como quem não quer acordar. Sei lá para onde vou neste passo lento de cada palavra simples.
Acho eu, sei lá!


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007