Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: livre pensar
recomeça o futuro sem esquecer o passado

23 de janeiro de 2017

livre pensar

Deixo o meu corpo  fixo num canto da praia, abrigado do inverso sol que arrefece a alma, enquanto o meu pensamento vagabundear num interminável novelo de ideias, sonhos e simples pensamentos. Faço sempre a conta que é a última vez. Porque um dia vai ser e eu não quero ser apanhado desprevenido e com a certeza que ninguém passa na minha vida assim só porque sim, aconteceu. Eu sei que há coisas e pessoas incomparáveis. Tudo o é. O Presente e pronto.
Sim, neste corpo, aqui num canto, fiz a morada de sentimentos que o pensamento lhes vive


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007