Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: este mar não é o meu
recomeça o futuro sem esquecer o passado

14 de fevereiro de 2017

este mar não é o meu

Estou sentado na praia. O mar agitado faz barulho quando se atira com força nas pedras. Nem parece é a minha praia. A minha é mais assim um deslizar de água parece é carícia, um beijo de ternura. Este mar tem parece é raiva que tudo quer levar na maré. Este mar de hoje não parece um mar prudente, não parece uma aventura planeada, não parece quer chegar ao amanhã.
Eu estou sentado na praia de mão dada, trago merenda na mochila, trocos para um copo ao fim de tarde e tantas palavras doces para dizer.
Mas este mar hoje está com pressa, tal é o modo como se atira.



Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007