Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: do que não gosto e gosto
recomeça o futuro sem esquecer o passado

21 de abril de 2017

do que não gosto e gosto

Não gosto de vazio, de gente sem sorrisos, de pessoas carregadas de nada. Não gosto de frio, de falsos juízos, do silêncio de gente calada. 
Afinal de contas de que gosto eu?
Eu gosto dos significados das palavras, do dom da palavra e do que ela sabe.
Eu gosto dum beijo, mais ainda se não é dado em segredo.
Eu gosto da minha estória, da minha maneira desajeitada de ser, do meu formato desformatado.
Eu gosto de ti.
Gosto dos meus amigos. Gosto de quem que me olha passado 20 anos e me chama pelo nome como se tivesse sido ontem o último aperto de mão dado, gosto de um abraço.
Gosto de ter vivido o que já vivi, de ter sonhado o que sonhei e de ter desejado o que consegui.
Afinal de contas também não gosto do vento que não me deixa ver direito o céu.


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007