Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: adeus, primavera
recomeça o futuro sem esquecer o passado

12 de junho de 2017

adeus, primavera

Oi. Olá. Até à próxima. 
Fim da Primavera anunciada. As lembranças que te tenho são dum vento a cair no calor, um silvo como se uma gargalhada na minha cara fosse, uns dias que não me deste a chance de sair de casa porque chovias. Mas também a tonificação do verde árvore a crescer nos campos, os suestes no zulmarinho a me borrifar de quente. 
Sinto muito estar a jogar no chão o pano da tua despedida. Eu sei que parece eu não tenho jeito nem faz efeito assim te escrever na despedida. Mas eu quero que fique escrito na história a tua passagem por mim. Estás acaba. Eu não desisto mas tu te finas. Ciclicamente. Sãos os ossos do teu ofício.
Para o próximo ano a gente se vê. Tá?

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007