Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: recordações
recomeça o futuro sem esquecer o passado

12 de maio de 2016

recordações

Olha só eu sentado na esplanada parece é verão todos os dias dum ano. Mas me esqueci que quando a gente cresce não pode ser mais assim. Se acabou a inocência, se apagou o brilho inocente dos olhos, se modifica o riso permanente da cara. E as cicatrizes que vão aparecendo quer no coração quer na alma? E a gente cresce e descobre que não é mais aquele menino traquina que dava cabelos brancos na mãe. E a Oásis ou o Avenida não têm mais a mesma esplanada. A Flórida não é mais a selecta casa de bolos do lado de lá da Chela. A gente descobre que os sustos acontecem e podem fazer confusão nas tolas desprevenidas e apunhalar os ouvidos com gritos estridentes que fazem acelerar os corações. 
Olha só eu sentado na esplanada parece sou homenzinho de calções e sandálias de pneu, a beber o meu café e comer o meu pastel de nata. 
Olha só para mim e dá cá o que é meu. As recordações!


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007