Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: não vou procurar palavras
recomeça o futuro sem esquecer o passado

7 de setembro de 2016

não vou procurar palavras

Hoje não me apetece procurar palavras.

Acho vou recitar um mantra enquanto dou passos atrás de passos em direcção a lado nenhum. Acho vou procurar pensamentos noutros ventos, noutras águas que ainda não passaram sobre a minha ponte, noutros lugares vazios de mim.
Acho vou admirar o sol poente num silêncio meditativo, contar com quantas cores de fogo se descreve esse momento e com quantos minutos se escreve anoiteceu.
Hoje não vou procurar palavras de mãos dadas, vírgulas e exclamações. Hoje vou só ficar no meu canto passeando ventos e pastando memórias.

Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007