Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: pequeno instante
recomeça o futuro sem esquecer o passado

5 de fevereiro de 2010

pequeno instante

Há dias em que o tempo passa lentro, contrastando com outros em que passa mais rápido que bala perto do ouvido em que a gente só ouve o zumbido. Afinal de contas o tempo passa segundo o estado de ânimo, as rotinas e as suas cores, o sentirmos ser um pequeno grão de areia ou a praia inteira, o sermos nada ou a força duma multidão. São assim também os instantes, fracção de tempo variavel, por exemplo, entre o sinal ficar verde e a buzina do carro de trás tocar como a nos acordar, ou pedaços de tempo em que até a respiração incomoda. Outras vezes o instante dura uma vida, sem altos nem baixos, monotonamente vivida nas dores caladas dum vazio anónimo.

Hoje só tive direito a este pequenino instante.


Sanzalando

2 comentários:


WebJCP | Abril 2007