Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: olha-me esse mar
recomeça o futuro sem esquecer o passado

12 de agosto de 2011

olha-me esse mar

Me olha só esse mar.  Não precisas dizer nada. Senta só aqui e olha esse mar desde aqui ao meu lado. 
Não te preciso dizer promessas nem outras palavras, nem rir nem sorrir só por simpatia, te faço carinhos de olhar, se olhares com os meus olhos este mar.
Vês esse brilho que vai até no infinito? É o brilho da minha alma quando te penso.
Sentes esse perfume de maresia? É o meu cheiro quando te penso.
Vá, olha esse mar comigo usando os meus olhos.
Se eu te pudesse dar a mão? Ambos de mão dada a olhar esse mar.
Eu morrerei um dia a olhar este mar desde o teu lugar e com os teus olhos, mas por favor, olha agora este mar aqui comigo, com os meus olhos.







Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007