Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: Um passo e dou de acácias
recomeça o futuro sem esquecer o passado

5 de janeiro de 2009

Um passo e dou de acácias


Olho-me e me vejo numa forma de sossego, inapetência até. Se der um passo em frente acho vou cair.

Assim, de forma coordenada dou uns tantos passos atrás e retrocedo até ao sonho em que mergulho na água salgada, agradavelmente quente, dou umas braçadas como se fosse um campeão, e me esqueço de todos os mortos da minha vida. Tantos e tantos que a alguns eu pedia uma reencarnação, mas apenas deixo cair uma lágrima como que para lhes descansar o espírito, como que para estar em paz comigo.

Eu sei que é Inverno, que os dias são eternas madrugadas, que o frio me leva para dentro de mim. Eu sei tudo isso mas desconsigo de sonhar com os dias quentes em que até as minhas lágrimas sorriem. Desconsigo sonhar com o perfume das acácias que começaram a florir.


Sanzalando

2 comentários:


WebJCP | Abril 2007