Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: testando letras, apenas
recomeça o futuro sem esquecer o passado

4 de abril de 2013

testando letras, apenas

Me sentei sob a chuva e imaginei o cheiro da terra molhada a me nostalgiar os olhos como quem chora em silencio e às escondidas. Me deixei levar por palavras secas a roçar a rudeza do agreste salvagem que me invadiu a alma e me perguntei porque um dia eu te deixei estacionar no meu coração sem porte pago e sem certeza que o local não era de estacionamento proibido. Multei-te? Preciso doer-me mais para ver se tenho jeito de aprender a fechar cancelas que sei se avariam nas pequenas chuvas da madrugada.


Sanzalando

0 comentários:


WebJCP | Abril 2007