Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: os amigos
recomeça o futuro sem esquecer o passado

19 de setembro de 2007

os amigos

Todos os momentos são preenchidos de palavras ou silêncios.

Desde que eu possa filtrar as minhas palavras nesta minha voz ciciada, tu sabes que eu estarei aqui a falar-te as minhas estórias, acontecidas, por acontecer ou apenas desejadas. Muitas delas, mesmo não se notando são magias da minha mente, fantasias do meu agrado, nuvens de fumo se erguendo no ar fechado deste canto solitário, pensamentos nascidos ali nos lados do coração, à esquerda duma aurícula, a caminho do versículo na sombra duma trabécula.

Muitas das estórias compartilhadas estão no estendal das palavras presas em molas de silêncio, pintadas em cor de utopias em telas de vivências e com muitas personagens em fato macaco de ajuda desinteressada. Tantas vezes foi necessário o apoio dessas distintas índoles, que só mesmo quem nunca tenha tido uma circunstância adversa não lhes reconhece a existência. Quem nunca sentiu o calor de um tudo bem? Ou de um como estás?



Sanzalando

3 comentários:


WebJCP | Abril 2007