9 de janeiro de 2005

Maravilhas da tecnologia

Senta, mermão, e vamos utilizar hoje as maravilhas da tecnologia. Tás a ver a ponta da Ilha? Vês ali quatro sentados naquela mesa bebendo umas e outras, bem geladinhas? Vês atrás deles o início deste zulmarinho. Consegues lhe sentir o perfume a marzia? Pena mesmo que não lhes consigas tocar.
Pois com as novas tecnologias até parece que estamos sentados ao pé deles e perto do início deste zulmarinho.
Lhe olhaste bem? Ali, cheios de calor, refrescando o corpo ao sabor de uma loira genuina de geladinha e nós aqui cheios de casacos, sovacos apertados, gestos diminuidos, frio de rachar, bebendo as geladas para aquecer o exterior arrefecendo o interior.
Vamos misturar os centígrados e vamos ter ambas as mesas à temperatura de um frapê?
Pois é, mermão, estes telefones só nos faltam dar a cor do cheiro, sentir o calor humano do início do zulmarinho.
Vês agora o Banco de Angola, o Hotel Presidente, o BCA? Mano dessa mesa do lado de lá, mostra mais coisas para desquentar o meu coração.
Sanzalando em Angola
Carlos Carranca

Sem comentários:

Enviar um comentário

recomeça o futuro sem esquecer o passado