Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: palavras em silêncio
recomeça o futuro sem esquecer o passado

10 de janeiro de 2008

palavras em silêncio

Aqui estou na procura de palavras que estão em toda a parte. Até a opinião dos mudos é transmitida por palavras. A escuridão, o silêncio, a tristeza, a alegria, o novo e o velho, tudo é descrito em palavras. E eu procuro as palavras. As que não foram ditas por ninguém, as que não se perderam nas florestas políticas, as que não se afogaram em promessas, as que não se estrangularam em opressões mentais.
Procuro palavras para ilustrar as minhas ilusões, para decorar as minhas fantasias e descreve-las com gestos de minhas mãos.
Procuro palavras entendíveis na margem dos pensamentos, nos calabouços da indiferença, nas prateleiras da desconsideração.
Procuro palavras simples que tenham a solução.
Como não encontro palavras livres hoje remeto-me ao silêncio.



Sanzalando

1 comentários:


WebJCP | Abril 2007