Navega à vontade que a Sanzala é segura, mesmo que te pareça lenta!
A Minha Sanzala: aproveitei um solinho
recomeça o futuro sem esquecer o passado

10 de dezembro de 2010

aproveitei um solinho

Caminho pela praia, aproveitando uma aberta do sol. Olho para lá da linha que me separa do horizonte que não vejo e procuro encontrar-te. Tantas e tantas vez o fiz e outras tantas me perdi. Vais ver esse túnel que escolhi não tem luz nem no fundo dos fundos dele, pois eu encontro só interrogações e pontos que me parecem são reticências. Assim, um dia, eu vou é chegar ao infinito das possibilidades e tu ainda longe. Já sei que não basta só caminhar, é preciso também querer e se calhar também um pouco mais de garra… mas como posso ter tudo isto se eu só consigo pensar-te.
Se eu estivesse a olhar para a estrelas, se procurasse sentado numa sombra duma qualquer bananeira ainda que aceitava eu não te encontrar.
Mas não olho nem estrelas nem me deixo dormir.
Aproveito só este pedaço de sol para poder sentir-te um pouco dentro de mim. Já sei que me vai dizer que eu já te fotografei memóricamente milhares de vezes, mas eu ainda não te tive sem ser na minha imaginação as vezes que eu acho eu merecia.
Caminho cansado pela praia aproveitando uma folga com sol.


Sanzalando

1 comentários:


WebJCP | Abril 2007