14 de abril de 2007

Figurado Português 18


1 comentário:

  1. Que enorme talento!
    Que criação carinhosa, terna.
    Gostava de viver da concepção de bonequinhos tão agradáveis.
    Abraço
    pena

    ResponderEliminar

recomeça o futuro sem esquecer o passado